Notícias

Geral 07 de Janeiro de 2023

Governador Jorginho Mello visita o Centro de Radioterapia do HUST

Neste sábado (7), o governador de Santa Catarina, Jorginho Mello, fez sua primeira visita oficial após eleito a cidades do Meio-Oeste, região onde iniciou sua carreira política e teve expressiva votação. Na oportunidade ele esteve no Centro de Radioterapia do Hospital Universitário Santa Terezinha (HUST), em Joaçaba.

A visita foi acompanhada por dirigentes do Hospital, da Fundação Universidade do Oeste de Santa Catarina (Funoesc), que é mantenedora do HUST e da Unoesc, além de secretários de Estado, autoridades municipais e regionais, representantes de entidades de classe, convidados e imprensa.

— Buscamos dar conforto aos pacientes que precisam deste tipo de tratamento. Com a Radioterapia aqui em Joaçaba encurtamos distâncias e proporcionamos um atendimento de qualidade — afirmou o governador.

Jorginho Mello conheceu a estrutura física do Centro de Radioterapia e anunciou recursos para a ampliação de leitos que atenderão as demandas de cirurgias eletivas no hospital. O aporte será de R$ 3 milhões. A secretária de Estado da Saúde Carmen Zanotto apresentou a necessidade da execução de um projeto para trazer os atendimentos de quimioterapia que são feitos em um espaço dentro do HUST para próximo do Centro de Radioterapia. Pedido esse, que teve aval do governador para estudos e tratativas.

— Quem tem câncer não pode esperar e trazendo todo o serviço para este complexo agilizamos os procedimentos e oferecemos comodidade para quem vem de outras cidades da região — destacou a secretária de Estado da saúde, Carmen Zanotto.

O HUST está aguardando uma última liberação do Conselho Nacional de Energia Nuclear (CNEM). A previsão é que os atendimentos no Centro de Radioterapia começarão entre fevereiro e março deste ano.

— Sabemos a importância deste serviço para toda a região e a Funoesc, mantenedora do Hospital Universitário Santa Terezinha, apoia e seguirá acompanhando o trabalho que será realizado aqui — ressaltou o presidente da Funoesc, professor Genesio Téo.

Conheça mais

O Complexo de Radioterapia do HUST tem 3.300 m² de área urbanizada e conta com recepção, três consultórios, sala para atendimento de pacientes que necessitem observação, salas de controle e de curativos, espaço para colaboradores e espaço onde está localizado o acelerador nuclear, aparelho que não emite radiação quando não está em uso e também não gera resíduos radioativos.

Inicialmente, a Radioterapia funcionará em dois turnos, cinco dias por semana, atendendo 32 pacientes/dia e totalizando 640 sessões mensais. Conforme a demanda, a capacidade de oferta do tratamento radioterápico poderá ser ampliada para até quatro turnos, 1.600 sessões pacientes/mês e 80 pacientes/dia. Hoje, esse público se desloca para Chapecó, Lages e outros centros para o tratamento.

Desde 2007, o HUST é referência em Alta Complexidade em Oncologia pelo Sistema Único de Saúde (SUS) na Macrorregião de Saúde do Meio-Oeste Catarinense, que abrange 55 municípios do Alto Uruguai, Alto Vale do Rio do Peixe e Meio-Oeste. A população contemplada é de aproximadamente 622 mil habitantes.

— Com o envelhecimento populacional, segundo estudos, o surgimento de novos casos de câncer é maior e, dispondo de uma estrutura como essa podemos tratar da melhor forma possível os pacientes, uma vez que, a radioterapia é um tratamento complementar tanto da quimioterapia como da cirurgia oncológica e pode, por vezes, ser até mesmo, a primeira escolha de tratamento — afirmou o diretor-geral do HUST, Jovani Antônio Steffani.

X
Configuração de Cookies:
Cookies Essenciais (Obrigatório)

Esses cookies permitem funcionalidades essenciais, tais como segurança e suas permissões.

Cookies Analíticos

Esses cookies nos ajudam a entender como os visitantes interagem com nosso site.